Você sabe o que é Renavam?

Despachante em Florianópolis

Assim como todo cidadão brasileiro possui RG e CPF, documentos de identificação junto ao Estado, os veículos possuem o Renavam. A sigla significa Registro Nacional de Veículos Automotores é identificada em um número de 11 dígitos individual para cada carro registrado no país, o código Renavam.
Em conjunto com o Registro Nacional de Condutores Habilitados (Renach), que controla as permissões dos motoristas para dirigir, o Renavam disponibiliza com agilidade e eficiência as informações necessárias para o efetivo controle de todos os veículos que rodam pelas ruas e rodovias do Brasil.

Leia mais: Saiba como funciona o teste do bafômetro

O que é o Renavam?

O Renavam é o registro que contém todos os dados de um respectivo automóvel, desde sua fabricação, quando o fabricante ou importador registrou seus dados originais como ano, cor e chassi, passando pelo emplacamento, trocas de propriedade, mudanças de estado e mudanças de características, acompanhando o carro até que ele saia de circulação.
Multas, licenciamentos, tributos e toda vida útil de um veículo está registrada no Renavam. Para que isso seja possível, o código do Renavam é fixo e não muda nunca, independentemente de alterações no veículo, troca de proprietários ou mesmo que o veículo seja transferido para outro estado. As mudanças são apenas acrescentadas, como um histórico.
Esse registro é obrigatório para circulação de qualquer veículo automotor no país, como carros, motos, caminhões, vans, entre outros, inclusive veículos rurais como tratores. Por isso é importante que o condutor esteja sempre em posse do registro, pois ele pode ser solicitado pelas autoridades a qualquer momento.
O sistema do Renavam é totalmente integrado com os departamentos de trânsito dos estados – DETRAN e DENATRAN – com isso a base de dados mantém-se sempre atualizada e segura. É o que chamamos de arquitetura de bases distribuídas, sendo um sistema composto de uma base nacional no Departamento Nacional de Trânsito (DENATRAN) e das bases estaduais nos departamentos de trânsito dos respectivos estados (DETRAN).

Leia mais: Mudança no sistema de multas em 2021

Para que serve o Renavam?

Imagem para ilustrar o texto sobre o que é um despachante e o quais são os seus serviços

O Renavam é a identidade do seu veículo, é o documento que lhe garante a propriedade do bem, compilando todas informações sobre o carro. Com esse registro você pode verificar a procedência e histórico de um veículo antes de negociá-lo. Qualquer dúvida que você tenha sobre um automóvel pode ser consultada com esse número: débitos, infrações, recalls, acidentes, ou até mesmo alterações e peças trocadas.
Também é através da consulta ao Renavam que as autoridades de trânsito conseguem identificar a propriedade e características de um veículo para fiscalização. Quando um veículo é roubado, ao fazer os registros legais essa informação fica armazenada no Renavam do carro, o que permite às autoridades identificá-lo em blitz ou câmeras de trânsito, por exemplo.

Leia mais: Entenda como funciona a nova pontuação da CNH

Onde encontrar o código Renavam?

O código Renavam do veículo é encontrado no Certificado de Registro do Veículo (CRV, também conhecido por DUT – Documento Único de Transferência) e no Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV). Por serem documentos parecidos, a numeração aparece no mesmo local. Em ambos os documentos o código é a primeira informação que aparece, posicionada no topo, logo acima do campo “Nome”, você encontrará o campo “CÓD. RENAVAM”.
Cabe aqui uma observação, existe uma diferença entre o Renavam e o código Renavam. Enquanto o primeiro é o registro do veículo, o código Renavam são os números que permitem que esses dados sejam encontrados mais facilmente.
Até pouco tempo atrás o código do Renavam possuía apenas nove números, compostos por oito dígitos e mais um último algarismo verificador. Mas desde 2013, essa numeração passou a ter 11 dígitos, com o objetivo de ampliar as possibilidades de combinações numéricas para atender aos novos registros de veículos.

Como consultar o Renavam?

Fazer consultas na base Renavam é um procedimento simples, mas você vai precisar saber alguns dados mais específicos para não ter nenhum impedimento. Solicite à concessionária, empresa ou proprietário o código Renavam, a placa do automóvel e o CPF do proprietário do carro que você está interessado, caso você não seja o proprietário ainda. Se houver alguma resistência em fornecer os dados, desconfie!
A consulta deve ser feita tanto pelo site do Denatran quanto pelo Detran do seu estado. Basicamente, no site do Detran é só você buscar “consulta de veículo” e informar a placa do automóvel e o código Renavam. Lá você conseguirá ver todas pendências, multas e mais. Porém, para uma consulta mais completa, indicamos a base Renavam do Denatran.
A maneira de consultar esse registro pode ser diferente em cada estado ou região brasileira. Em geral, a seção recebe o nome de “Consultar veículos” ou algum termo semelhante, sem fazer nenhuma menção ao Renavam. Acesse sempre os portais dos órgãos oficiais para evitar golpes virtuais.
Você ainda poderá optar por fazer a consulta presencialmente em uma unidade do Detran. Para isso, basta ter os mesmos documentos e dados em mãos.
Ao concluir a negociação de um veículo não esqueça de comunicar compra e venda ao DETRAN e transferir a propriedade do bem no prazo de 30 dias. Como no Renavam consta o nome do proprietário, fazer a transferência e a comunicação de venda são tarefas importantes para manter a base de dados do registro atualizada. Deixar de fazer essa comunicação pode lhe trazer grandes prejuízos. Afinal, caso o comprador cometa alguma infração de trânsito, as multas serão direcionadas para o proprietário do veículo, isto é: você.

CRLV Digital

Desde 2019 já está disponível a versão digital do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (DRLV), documento onde consta o código Renavam. E, em 2021, alguns estados como Santa Catarina passaram a emitir o documento somente na versão digital.
O CRLV Digital é novo formato do documento do veículo no Brasil e você já pode baixá-lo na sua loja de aplicativos. No app Carteira Digital de Trânsito você terá acesso tanto a CNH Digital quanto ao licenciamento do veículo. Sua autenticidade é garantida por um QR Code, que pode ser consultado pelos agentes de trânsito em uma eventual fiscalização.
O app funciona off-line e os documentos podem ser baixados no celular. Assim, não é necessária a conexão com a internet no caso de uma abordagem. Além disso, o documento pode ser impresso por iniciativa particular em PDF e formato A4, quantas vezes for necessário, sem se preocupar com perda, roubo ou deterioração do CRLV. Contudo, é fundamental que a qualidade da impressão deixe o QR Code legível. Também é possível salvar o documento no celular.
Pronto, agora que você já conhece o Renavam com certeza estará mais seguro na hora negociar um carro ou até mesmo rodar por aí sabendo que tudo sobre o seu veículo está disponível num único número!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1
Olá, tudo bem? Como podemos ajudar? :)
Powered by